quarta-feira, 13 de julho de 2011

Cena 881: Dia Mundial do Rock: After Forever

After Forever foi originalmente formada em 1995 sob o nome Apocalypse, seu gênero era orientado ao death metal. Com a entrada da vocalista Floor Jansen em 1997, o estilo da banda mudou em disposição a dar ênfase para sua voz. Até aquele momento a banda era composta por Floor Jansen, Mark Jansen, Sander Gommans, Luuk van Gerven, Jack Driessen e Joep Beckers.
Em 1999 a banda começou a compor canções próprias e gravaram duas demos - intituladas Ephemeral e Wings of Illusion - que enventualmente chamaram atenção da gravadora Transmission Records, que assinou contrato com a banda.

Seu álbum de estréia, o Prison of Desire lançado em 2000, foi gravado no estúdio Excess, em Rotterdan, produzido por Hans Pieters e Dennis Leidelmeijer. Os corais foram feitos no RS 29 com Oscar Holleman, que já havia trabalhado com Ayreon e The Gathering. O resultado foi ansiosamente aguardado pelos integrantes. Além do vocal marcante de Floor e os vocais guturais de Sander e Mark aliados a um instrumental agressivo e sombrio, a banda trazia um coral e arranjos clássicos. No primeiro disco, ainda contaram com a participação da vocalista do Within Temptation, Sharon den Adel na canção Beyond Me. O álbum foi muito bem recebido pela crítica européia e possibilitou um reconhecimento mundial para a banda. Ainda em 2000 o baterista André Borgman juntou-se à banda, substituindo Joep Beckers, e no final do mesmo ano o tecladista Lando van Gils substituiu Jack Driessen.

Em 2001 o álbum Decipher foi lançado. Neste disco, fica evidente a evolução e o amadurecimento musical do grupo. Porém, em 2002 Mark Jansen desliga-se da banda. Segundo Mark, sua intenção é dar continuidade a sua carreira musical com um estilo semelhante ao After Forever, formando posteriormente, então, a banda Epica. No mesmo ano Bas Maas entra para o grupo como guitarrista.

No ano de 2003 foi lançado Exordium, um EP com 6 faixas (entre elas o cover The Evil That Men Do, da banda Iron Maiden) e o clipe My Choice.

Em 2004, o tão aguardado álbum conceitual Invisible Circles foi lançado. Com músicas mais diversificadas e bem diferente dos discos anteriores, o álbum trás como tema a história de uma garota, filha de pais adolescentes numa gravidez indesejada. Ele chegou a alcançar a posição de 26º no Top 100 das paradas holandesas. No mesmo ano, Lando van Gils deixa a banda e é substituído por Joost van den Broek.

Em Setembro de 2005, foi lançado o álbum Remagine, cujo título é uma combinação das palavras Reflection e Imagination. Segundo a vocalista, Floor Jansen: "É realmente um passo a frente em nossa carreira. Vejo-o com todas as características do After Forever, contudo trazendo novas idéias à nossa música. Temos melodias bem fortes para nossos fãs, e músicas que marcarão nossa história". O álbum contém 12 faixas e teve o instrumental gravado no Excess Studio, em Rotterdam. Enquanto os vocais, os trechos clássicos e a mixagem foram feitos no Gate Studio, na Alemanha, sob a produção de Sascha Peath e Miro em Wolfsburg.

Em 3 de Março de 2006, a banda anuncia o rompimento com a gravadora Transmission Records. Segundo informações do site oficial, a gravadora fazia um fraco trabalho de publicidade. Em Outubro do mesmo ano, com o novo álbum em plena produção, eles assinaram com a Nuclear Blast Records.

Em Abril de 2007 é lançado o álbum After Forever. O disco possui 12 faixas. Segundo Sander Gommans, "você pode ouvir a energia de Prison Of Desire, a melancolia de Decipher, a abordagem progressiva de Invisible Circles e os elementos mais acessíveis contidos em Remagine. É impossível sermos mais After Forever do que isso". Neste álbum, o grupo dá continuidade às tendências de Remagine e se distancia um pouco mais de Prison of Desire e Decipher.

O After Forever demonstra ser uma das maiores bandas de seu gênero, revolucionando os conceitos de metal, sem se limitar à fronteiras comerciais.

Em janeiro de 2008, After Forever anunciou em seu website que a banda daria um tempo de, pelo menos, um ano. Em uma entrevista com a rádio Ragnarök, Floor disse que a banda se juntaria no início de 2009 para discutir o futuro do After Forever.

No dia 5 de fevereiro de 2009, a banda anunciou seu fim. Segundo comunicado no site oficial, a pausa em 2008 e parte de 2009 fez com que percebessem não terem mais energia para continuar.

Nenhum comentário: