sexta-feira, 25 de março de 2011

Cena 718: Luto


Faleceu, no início da tarde desta sexta-feira, o pai do Márcio, seu Pedro Brasil. Os atos fúnebres estão sendo realizados na Capela Andres, e o sepultamento será amanhã, às 11h.

Deixo minha singela homenagem a este grande homem que eu tive o privilégio de conhecer.


Eu estava sentado na beira de sua cama
Olhando para as linhas principais no papel
Ele disse: "Olhe o coitado do Gene Kelly,
Eu acho que ele não cantará mais na chuva"
Você pode levar meus heróis
Você pode levar minha dor?

Leve embora minha dor
Deixe a frieza lá fora
Por favor não faça chover
Não tropece no meu orgulho
Leve embora minha dor
Não estou mais com medo
Apenas fique comigo esta noite
Estou cansado desta luta
Logo estarei batendo em sua porta

Ela estava em pé no canto da cama dele
Olhando para a mensagem em seus rostos
Ele disse, "O que posso eu fazer garota?
Eu acho que não voltarei para casa de novo"
Eles acabaram de levar todas minhas promessas
Faça eles levarem minha dor

Leve embora minha dor
Deixe a frieza lá fora
Por favor não faça chover
Não tropece no meu orgulho
Leve embora minha dor
Eu não estou mais com medo
Apenas fique comigo esta noite
Estou cansado desta luta
Logo estarei batendo em sua porta

Sua cena final
O ator se curva
E todos esses anos
Foram-se de qualquer forma
A platéia aplaude
A cortina cai..

Eu estava de pé no fim da água
Eu notei minhas reflexões nas ondas
Então eu vi você olhando para mim
E eu sabia que por um simples momento
Você meu nome chamava
Você levou embora meu herói
Você levará minha dor?

Leve embora minha dor
Deixe a frieza aqui dentro
É hora de chover
Não há nada para se esconder
Leve embora minha dor
Eu não estou mais com medo
Estou aprendendo a sobreviver
Sem você em minha vida
Até você bater em minha porta...

Nenhum comentário: