sábado, 24 de julho de 2010

Cena 356

- É como se eu não reconhecesse as coisas... as pessoas. Tudo me parece muito estranho, ou diferente.

- Isso lhe assusta?

- Não mais. Chega a ser confortante.

2 comentários:

Mal disse...

Aceitaçao ou comodismo?

Take care

Dédalus disse...

En ocasiones es mejor no saberse reconocido, ¿no crees?

Un beso trasatlántico, Taina.