terça-feira, 9 de fevereiro de 2010

Cena 172: É questão de opinião...

No post que eu escrevi sobre aquele acidente com o avião da TAM, recebi o seguinte comentário:

Lamentável seu texto e sua visão de vida e dos vínculos que temos com as pessoas que amamos. Você deve ser muito infeliz! Lamentável...

Mas... o que é lamentável no meu post, afinal? O fato de eu ver e aceitar a morte como algo totalmente natural?
E um velório, onde as pessoas ficam ali chorando desesperadas, e muitas vezes fazendo verdadeiros escândalos em função da morte do ente querido, o que é? Não querer que outra pessoa morra é puro esgoísmo, vaidade.
Sendo a morte certa e inevitável para todos, é quase impossível acreditar que ainda existe tanta gente que não a aceita, que tenta fugir dela, e pior, condena quem vê isso como um processo natural e aprendizado.
Isso sim é lamentável.

3 comentários:

~*Rebeca e Jota Cê*~ disse...

É muito complicado escrever sobre certos assuntos. Por isso, quando não concordo com algo que a pessoa escreveu, não vou tão fundo. Cada um tem seu modo de viver e pensar sobre a vida.

Beijo imenso, menina linda.]

Rebeca

-

Washington Benjamin disse...

Tainá, você não tem medo de “morder a maça” e com certeza algumas pessoas ficam chocadas. A relação humana é muito complexa, muitos compartilham com seu ponto de vista, o incomum é falar abertamente. A sociedade em parte gosta de textos amenos como disse um Amigo: “fale o que as pessoas gostam de ouvir” (não sou a favor da hipocrisia), mas, entendo que cada um tem uma forma de se relacionar com seus entes queridos, eu corroboro com seu texto, e entendo o ponto de vista do Roberto. Cada ser humano sente a dor da perda de uma forma, isso depende até do seu credo religioso. Habituei-me a racionalizar as perdas, perdi meu Pai com seis anos de idade, entendo que a morte deve ser encarada de forma natural. Contudo a morte é sempre uma ida sem volta, nunca mais vamos ter a pessoa, nem podemos reparar algum erro ou mesmo um pedido de perdão, por isso devemos “tratar as pessoas como se não houvesse amanha”. A sociedade precisa de pessoas que trate de suas mazelas de forma clara e objetiva, sempre alguém pode se sentir ofendido, contudo precisamos dialogar discutir de forma sadia estes e outros assuntos que a mídia pouco se importa devido o baixo ibope.

Fica com Deus.

AnneKira™ disse...

Certas pessoas não tem sensibilidade para entenderem a opinião das outras pessoas.

Acham que idéias são como uma linha reta, que devem sempre ser lineares.

Abraços ;-*