quinta-feira, 8 de outubro de 2009

Cena 77: A Equação Humana - 2º Dia: Isolação

[Anthony] Não posso me mover, não posso sentir meu corpo, eu não lembro de nada. Que lugar é esse? Como vim parar aqui? Eu não entendo o que está acontecendo. Eu estou sozinho?
[Medo] Você foi abandonado, todos te deixaram. Você sabe que foi sempre assim. Aqueles anos loucos, as pessoas que você ignorou... agora é hora de pagar. Você está sozinho. Ninguém está dançando ao seu ritmo.
[Anthony] Isto é um sonho ou é real?
[Razão] Algumas vezes o sonho se trona realidade.
[Anthony] Mas eu não sei o que sentir.
[Razão] Então te guiarei nessa confusão.
[Anthony] Mas quem é você e por que está aqui?
[Razão] Eu sou você e você é todos nós.
[Anthony] Eu não consigo pensar, minha mente está confusa.
[Razão] Então vou te livrar dessa confusão.
[Paixão] Você não sente queimar bem aqui no fundo? Você nunca vai aprender? Não tente esconder. Você não sente o fogo queimando sua alma? O desejo de um homem ferido fora do controle.
[Orgulho] Eu não acredito que você está desistindo, esse não é você. Eu não acredito que passou a chance de fazê-los pagar. Você sempre teve total controle, nunca pensou duas vezes, você sempre tomou as decisões com um coração frio como gelo.
[Anthony] Vocês são delírios da minha mente.
[Razão] Então nós somos parte de você.
[Anthony] Sou parte de algum plano?
[Razão] O único plano está em sua cabeça.
[Anthony] Como poder ser? Vocês parecem tão reais.
[Razão] Somos tão reais quanto você imagina.
[Anthony] Eu consigo te tocar, consigo sentir...
[Razão] Então pegue minha mão e siga-me.
[Amor] Feche seus olhos, escute a batida do seu coração, entregue-se ao suave pulso. Silencie os choros, gentil e cuidadoso, bom ou mau, verdadeiro ou falso. Você não está sozinho. Você vai me achar aqui sempre que eles lhe opuserem, eu sou o mais forte de todos. Não precisa temer esses sentimentos que lhe pressionam, eu estou aqui para te pegar quando você cair. Você não está sozinho, eu estou aqui, dançando ao seu ritmo.

2 comentários:

Luciana Nogueira disse...

Gostaria que o amor fosse sempre desse jeito, mesmo \:

Ah, se um dia eu publicar um livro faço uma dedicatória para você então, rs.
Um beijo :*

Cristiano disse...

[Amor] Feche seus olhos, escute a batida do seu coração, entregue-se ao suave pulso. Silencie os choros, gentil e cuidadoso, bom ou mau, verdadeiro ou falso. Você não está sozinho. Você vai me achar aqui sempre que eles lhe opuserem, eu sou o mais forte de todos. Não precisa temer esses sentimentos que lhe pressionam, eu estou aqui para te pegar quando você cair. Você não está sozinho, eu estou aqui, dançando ao seu ritmo.

O final do texto é muito lindo. Parabéns, my friend.